Sobre os noivos

Como é bom recordar! Conheça os detalhes da nossa caminhada até esse grande sonho do nosso casamento.

Podemos descrever nosso relacionamento como uma despretensiosa amizade de adolescência (surgida, há 13 anos atrás, numa tradicional festa que existia em Campo Grande, chamada "Pagode do Bêbado"), que, depois de alguns anos, começou a ganhar, naturalmente, um colorido especial e que, nos últimos 5 anos, durante nosso namoro/noivado, transformou-se num verdadeiro, sólido e sincero AMOR.

Já nutríamos, desde a época em que éramos apenas amigos, enorme carinho um pelo outro. Conversávamos praticamente todos os dias, a partir do final de 2004, principalmente por telefone, SMS e pelas redes sociais da época (Orkut, MSN Messenger, etc). Compartilhávamos sonhos, ideais, problemas e angústias. Filosofávamos e nos permitíamos dar um ao outro aconselhamentos de todas as naturezas. Também fazíamos muitas brincadeiras, dávamos bastante risadas e nos divertíamos muito, naquele nosso mundinho. Combinávamos de sair, ir a bares e festas, jogar sinuca e tomar água de côco na Avenida Afonso Pena. Até no carnaval de Bonito nos encontramos, ainda que meio sem querer. Todo aniversário e final de ano trocávamos mensagens de felicitações e prosperidade, isso quando não nos encontrávamos, como aconteceu em uma das edições do "Réveillon do Barcelona". Trocávamos também alguns presentes sem muito sentido, principalmente CD's, copos e taças. Enfim, a gente se dava super bem, desde aquela época. Já sentíamos que tínhamos uma certa afinidade, mesmo no plano da amizade.

O tempo foi passando e... enquanto eu, Gladyson, fazia e curtia em Campo Grande minhas duas faculdades; a Talita se mudou de cidade no início de 2007 (foi estudar em Curitiba, que, aliás, é hoje nosso ponto de encontro), depois passou logo em seguida no vestibular e, em 2008, começou, seu curso de graduação no interior de São Paulo. Com tantas mudanças, e diante de um novo contexto em que cada um se viu inserido (no qual ambos buscavam seus objetivos pessoais de vida e seu lugar ao sol), fomos perdendo aquele contato diário, fazendo novas amizades, estabelecendo outras legítimas prioridades e tomando rumos distintos...

No meio do ano de 2008, elevamos nossa amizade a um patamar mais interessante (e também perigoso). "Ficamos" algumas vezes (quando a Talita voltava para Campo Grande e a gente se encontrava), mas, na época, não passou disso... Aliás, aquela nova situação de amizade colorida, naquela época de juventude, acabou na verdade nos afastando por um tempo. Depois de irmos juntos a algumas festas de formaturas de amigos e parentes na metade de 2008 - a última inclusive na Amamsul (local em que será nossa festa de casamento, e onde também foi realizada há 10 anos atrás a despedida da Talita de CG) - acabamos, pouco a pouco, nos afastando e perdendo contato. Cada um passou a viver mais intensamente sua nova vida (a Talita, assim, continuou sua faculdade de Odontologia em Araçatuba, e eu, após concluir o curso de Direito, iniciei minha jornada em busca do sonho de me tornar promotor de justiça, com rotina rígida de trabalho e de estudos), e então a gente passou a torcer, apenas de longe e de fora, pelo sucesso e pela felicidade do outro.

Até que, em 2012, por um acaso (ou seria destino?), nós nos reencontramos e, no tempo certo de Deus, retomamos aquela nossa velha amizade, sendo que, já bem mais maduros e vividos, acabamos por transformá-la em um saudável namoro, que se iniciou precisamente no dia 01/06/2012.

Desde então muitas coisas boas passaram a acontecer em nossas vidas. Além de a Talita ter começado a trabalhar, montado seu consultório e iniciado/concluído dois cursos de especialização, eu consegui finalmente ser aprovado no concurso de promotor de justiça. Nossos sonhos, aqueles mesmos que compartilhávamos anos atrás, passaram a ser tornar realidade. Nossa amizade foi se fortalecendo cada vez mais no curso do namoro, transformando-se em irretocável companheirismo mútuo, fundamental para nosso relacionamento. Nossas diferenças e pontos de vista distintos sobre determinados assuntos, em vez de nos afastar e gerar brigas, passaram a ser fatores de enriquecimento e crescimento pessoal de ambos. O carinho que cada um já tinha pelo outro foi aumentando cada vez mais e se tornou amor verdadeiro, na mais pura acepção do bem querer alheio. Passamos a sonhar, pensar, planejar e conquistar juntos. E aqui agora estamos: prontos para darmos mais um passo em nossa caminhada, com a realização de nosso matrimônio e casório, algo mais do que especial para nós e nossas famílias.

Queremos compartilhar nosso casamento, que é a mais importante etapa de nossas vidas até agora, com vocês, nossos familiares e amigos, que são pessoas que desejamos sempre por perto, desde o começo de nossa vida conjugal que oficialmente se iniciará no dia 09/09/2017.